Rosa e verde: Também nas mostras de decoração

Não é só a cozinha da Ruby (post anterior) e a minha sala de estar/janta/home office (em breve posto aqui, mas confere lá no Instagram @avoqueria), que estão na vibe rosa e verde tendência 2018 não, viu? (na verdade a gente nem liga muito pra essa coisa de tendência, né nom?). Mas recebi as fotos do Morar mais por menos BH 2018 e SÓ DEU essa duplinha maravilhosa de cores nos ambientes do evento.

Olha só quantos ambientes lindos, inspiradores e cheios de ideias boas pra quem quer combinar as duas cores com outros tons e elementos:

Cozinha

Studio 697 Arquitetura
Mariah Tanure
Marina Zambelli
Marina Peixoto

Bancada em granito branco siena; reutilização de água da pia para irrigação de horta; utensílios de cozinha como adorno; antiga prancheta usada como mesa; restauro de banco de ferro antigo; escumadeira usada como fruteira; latinhas de tinta para vasos de horta; luminária feita com varão para cortina; tampas cegas de elétrica para acabamento da luminária

Cozinha, ambiente de experiências e afetos. Nossa proposta foi equilibrar a sofisticação dos materiais contemporâneos, com as memórias afetivas presentes nos objetos, revestimentos e móveis reutilizados e customizados. Cada detalhe foi pensado com o intuito do visitante sentir-se parte do espaço.

Alprende momentos

Ana Luiza Guimarães

Vasos com moldura de bastidor de costura; pé de mesa reutilizado do ferro velho; cores, texturas e plantas como brasilidade; balanços em corda feitos artesanalmente.

Um ambiente de encontros: para momentos de lazer e boa conversa, onde passado e presente se entrelaçam. As cores, texturas e objetos escolhidos agregam memórias, personalidade e brasilidade. Os balanços em corda e vasos suspensos customizados imprimem originalidade e sustentabilidade ao projeto.

Jardim do restaurante

Vanessa Costa

Uso de espécies nativas da flora nacional; desenho no painel de MDF que remete a palinha usada nos anos 50.

Na mais bela essência de Brasilidade, o jardim traz espécies ornamentais nativas, elementos da arquitetura e design que remetem o modernismo dos anos 50, contrapondo com elementos contemporâneos. A proposta do jardim é integrar a natureza e a cidade, criar um espaço para repor as energias, aliviar a mente e descansar da rotina agitada.

Lavabo antigo novo

João Mariose

Luminária em pinus; reuso de MDF para divisória; cores da pintura remetendo a brasilidade.

O ambiente foi idealizado para fortalecer os costumes antigos, trazer uma nova identidade, buscar a tranquilidade e inovação de texturas, com uma cartela de cores neutras e o verde   para dar mais vida ao espaço.

Estúdio do hóspede

NovePontoUm Arquitetura
Maria Gabriela Belisário
Tiago Queiroga

Recuperação de peças antigas como a cama, fogão e frigobar; cabideiros em cabo de aço; divisória em tela de aço e pedras; banco em madeira de demolição; vasos de barro que remetem a brasilidade; bancada azulejada.

Com o intuito de manter a originalidade da casa e as marcas do tempo, o Estúdio traz à lembrança as fazendas mineiras, unindo itens garimpados ao mobiliário contemporâneo e às soluções customizadas, como bancada azulejada e divisória em tela de aço, imprimindo brasilidade e sustentabilidade ao local.

Quarto da blogueira

Viés Design
Amanda Silveira
Marina de Lara

Cabeceira com cabos de vassoura e desenhada com retalhos de marcenaria; mosaico de cabides; manequim personalizado com botões; criado mudo de mala antiga; decoração com sacolas, plantas e cinto

Na era das influenciadoras digitais, apresentamos um quarto inspirado nas necessidades de uma blogueira. Moderno e funcional, o quarto da blogueira cumpre a função de dormitório, escritório e espaço para fotos. A paleta de cores cria mosaicos e a criatividade dá novas funções para itens da moda.

As imagens são do Gustavo Xavier

Morar mais por Menos BH

Do dia 22 Agosto a 23 Setembro no Cidade Jardim =)

COMPARTILHE
Ana Medeiros
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here