A nossa sala ganhando forma…

Semana passada nossos móveis finalmente chegaram, animação master nessa casa. Tudo ficou exatamente como a gente queria, e o trabalho do marceneiro foi de primeira, admirável.

Depois de colocar tudo no lugar (hoje mostro a sala e depois vou postando o resto da casa ta?), desembalamos os nossos quadros e outros objetos pessoais e demos um grau na casa.Obvio que ainda faltam muitas coisas, queremos comprar uns objetos regionais e misturar com outros mais “pop” pra ficar um contraste legal e jovem.

Pretendemos colocar umas letras em mdf coloridas entre o quadro de azulejos e os pôsteres, acima da TV. Na outra parede, ao lado da porta, vou colocar um outro pôster lindo que ganhei do pessoal do Leite-com. O tapete colorido também veio pra Pernambuco, mandei lavar e estou esperando por ele.  Na parede acima do sofá de dois lugares (esse da 2° foto) que ainda está sem as almofadas, encosto, etc, colocaremos uns nichos grandes que vimos numa revista (também faremos sob encomenda).

Do outro lado da porta de entrada (3° foto) colocamos esse aparador que ainda tá sem nada, só com os livros do Vinico e a bagunça que ele fez,rs. O nosso quadro “polêmico” e o cabideiro, ficarão ai mesmo.

Bem, depois que tiver tudo prontinho, faço um novo vídeo mostrando mais detalhes. Mas que evolução heim?

Agora já consigo me sentir em casa.

COMPARTILHE
Ana Medeiros
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

21 Comentários

  1. Estou acompanhando devagar a sua “evolução”, Ana, e fico muito feliz por você. Sabe aquela invejinha branca?? Eu diria transparente, mas ela existe…Não, não, mas não pense mal…Não é pelos móveis, nem pela decoração, e tudo mais, (que são lindos), mas pelo sentimento de “sim, estou em casa”…. Neste feriado fui visitar a minha mãe no Paraná (na verdade conhecer meu sobrinho de 6 meses que é tudo de lindo e gostoso), e quando cheguei lá, depois de um ano e meio longe, ainda senti a sensação de estar no meu lar. Depois de 3 dias voltei para a casa da minha avó, em SC, com quem moro a 5 anos, e comentei com algumas pessoas, que ainda não consigo me sentir em casa…assim…na MINHA casa…. Creio que também isso deve-se ao fato de eu não ter muitas das minhas coisas que tinha lá…. Mas trouxe alguns dos meus apetrechos nesta ultima viagem… E espero que consiga me sentir mais dona, pelo menos do meu espacinho aqui.
    Toda vez que venho comentar escrevo um livro, mas o objetivo era mesmo dizer: Ana, ta a sua cara…Lindo, carinhoso, e acolhedor!!

    Beijos…
    =)

    • Ô Aline, essa coisa de se sentir em casa é mesmo muito verdadeiro ne? Ainda bem q vc tem o seu porto seguro =)

      Muito obrigada pelo carinho viu? Beijão bem grande

  2. adorei os sofás!!!
    e tô louca pra ver eles prontos pq fico com medo de ficar muito afastado pra sentar, sabe? Mas ai sei que depende das almofadas. enfim, eu amo esse tipo de sofá. até pq dá uma ótima cama 🙂
    tô amando tudo.
    bjs e boa sorte. ah! e paciência :}

  3. Adorei !Esta ficando tudo lindo!! Mais imaginei uma textura, na parede do sofá grande !! Metida eu dando opinião !!! hehehe! bjs

  4. Uau! Eu que amo madeira, achei essa sala perfeita, o rack e o outro móvel estilo prateleira ganharam meu coração.
    Volto para ver o restante de sua casa.
    Beijos

  5. querida, adoro seus posts!
    tudo está ficando tão lindo… Não vejo a hora de ver os próximos capítulos… Parabéns!

  6. Parabéns pra vocês!
    Sempre acompanho seu blog e adoro tudo por aqui.
    Mudanças são sempre dificeis, principalmente na hora de arrumar tudo, mas sei que vocês vão tirar de letra.

    Abraços!!!!

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here