Uma varanda toda reformada com paletes.

Já que estamos falando de varandas e plantas nos últimos posts, hoje trago pra vocês algo que une não só esses dois assuntos como também o tal do reaproveitamento. Não sei se vocês concordam comigo, mas ando meio saturada do tal do paletes, quando leio esse nome meio que “nhém”, e algo precisa realmente ser muito incrível pra me chamar a atenção e olhar com carinho pra um projeto feito com esse material.

Comentei isso com o Leo semana passada e ele logo me envia um link com um projeto maravilhoso feito com paletes, no assunto do email ele escreveu apenas “Me diga se ainda odeia paletes?”. Mas gente, que ousadia desse marido! Sendo que mais ousado ainda foi o projeto que eu vi quando abri o link, e acho que vocês também ficarão de queixo no chão com toda a proposta dessa varandinha que era bem comum e pequena, e que foi transformada num verdadeiro espaço digno de capa de revista.

E quer saber mais? Em um ap alugado! Tudo que fizessem na varanda, teria que ser fácil de remover depois, claro. Inspirados no clima tropical o projeto também tinha que ter cores fortes e plantas!

varanda com pallete1

Após desmanchar todos os paletes, o início da varandinha se deu pelo chão. Depois de todas as ripas acomodadas, uma pintura com estêncil.

varanda com pallete8

Os vasos de plástico também ganharam caixinhas de madeira feitas com paletes. Assim como o jardim vertical que também foi feito com o mesmo material.
varanda com pallete2 varanda com pallete4 varanda com pallete5

As mesinhas também foram feitas com…pa-le-tes, uma estrutura de ferro de uma estante antiga e seixos. E esses bancos, gente? Lindeza demais né?

varanda com pallete3 varanda com pallete6 varanda com pallete7

Agora calma que tuuudo isso tem passo a passo no blog de origem, o A Piece of Raibow e já vai o link no tradutor que é pra ninguém achar ruim =)

COMPARTILHE
Ana Medeiros
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

5 Comentários

  1. Olá Ana,
    conheci o seu blog há pouco tempo, mas amei desde o primeiro momento. Fantástico trabalho.
    Dicas maravilhosas e ideias super criativas.
    As paletes de madeira são um segundo mundo para mim. Adoro tudo que envolva este material, e mesmo quando não envolve, sempre dou um jeito para fazer com madeira de paletes. Adoro criar pequenas coisas com madeira, e as paletes são econômicas para as minhas “experiências”!
    Continuação de um excelente trabalho.
    Bjs

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here