Era uma vez uma um adesivo, um criado mudo e um quarto de hóspedes. #ACQMVQ Inspira – Leitora Eli Martins

Quem lembra do post léééando com  um passo a passo de uma mesa de centro que a Eli nos enviou? Se você não viu, olha eleeeeeee aqui!

A Eli Martins é uma leitorinha antiga, que me acompanha desde os primórdios do A Casa Que A Minha Vó Queria. Segundo a própria, o ACQMVQ foi a faisca que a inspirou na criação do Blog Encantada (aproveita e dá um pulinho lá). <3

Com vocês a demi-suite da Eli:

Quando construímos nossa casa fizemos uma suite e duas demi-suites, uma das demi eu uso como meu home office e a outra ficou para quarto de hóspedes. Eu queria ter um ambiente diferente, com parede escura aqui em casa, mas não sou muito ousada ou colorida e sempre fico com medo de fazer algo drástico e não gostar e ter que voltar atras e desfazer tudo, isso é muito plausível vindo de mim.
acqmvq inspira - leitora Eli martins - acasaqueaminhavoq ueria (3)
Então decidi fazer essa reforminha no quarto de hóspedes considerando que recebo pouquíssimas visitas e nós não ficaríamos entrando no ambiente o tempo todo achei que valeria a pena arriscar em colocar coisas e cores que geralmente não faria no nosso quarto, sala ou outro ambiente que usamos com mais frequência. Mas o impulso maior para a transformação foi mesmo o criado mudo branquinho e sem graça que ganhei de uma amiga, ela ia jogar fora e pensou em me oferecer por saber que eu gosto de dar uma nova chance para as coisas.acqmvq inspira - leitora Eli martins - acasaqueaminhavoq ueria (2)
Quando ganhei eu usei como mesinha na sala, criado no nosso quarto, apoio no escritório até que foi para o quarto de hóspedes mesmo achando o pobrezinho tão feiinho, até que um dia numa loja de 1,99 encontrei um papel adesivo lindo que imitava madeira de demolição, comprei um pedaço e com ajuda do meu marido colamos no móvel, antes disso pintei os beirais de preto para ficar melhor, depois troquei o puxador e voila, um móvel lindo de viver, que merecia viver num quarto mais bonitinho também.
acqmvq inspira - leitora Eli martins - acasaqueaminhavoq ueria (7)acqmvq inspira - leitora Eli martins - acasaqueaminhavoq ueria (5)
Comprei tinta cinza, pintei paredes, misturei tinta com xadrez e fiz a tinta preta para a parede da cabeceira.
Comprei um papel adesivo com estampa de floresta e aplicamos em outra parede e o quarto já ficou tão mais acolhedor.
As cores usadas: Tinta clara: Cinza Alpino 00NN 62/000 da Coral | Tinta escura: Cinza Alpino da Coral + Xadrez Preto (1/2 pote tipo sorvete de tinta e 4 tubos de corante), resultou num cinza bem escuro, mas de perto ele puxa para tons de azul forte.
acqmvq inspira - leitora Eli martins - acasaqueaminhavoq ueria (8)acqmvq inspira - leitora Eli martins - acasaqueaminhavoq ueria (6)
Depois disso fiz quadrinhos que imprimi em casa mesmo, fiz dois quadrinhos com recorte de borboletas (usando aqueles cortadores de papel, aqui tem o passo a passo) para completar a parede da cabeceira, troquei a cúpula do abajur (ainda quero forrar com um tecido geométrico), pintei de preto o outro criado mudo que era m.d.f tabaco e trouxe para dentro alguns objetos de decoração que estavam espalhados pela casa… pronto, nasceu um quarto novo.acqmvq inspira - leitora Eli martins - acasaqueaminhavoq ueria (4)acqmvq inspira - leitora Eli martins - acasaqueaminhavoq ueria (6)
Nós gostamos tanto, mas tanto do quartinho – sim, ele é bem pequeno que nos mudamos para ele e deixamos o nosso “oficial” que precisa de uma reforma para as visitas… ou seja, as visitas não se deram bem aqui em casa e minha amiga queria o criado mudo de volta rsrsrs, sem chances!
A Eli escreve no blog Encantada Home (como falei lá em cima) e o perfil dela no instagram ó: @encantadablog .
Se caso você também quer dar as caras por aqui, é só nos mandar um email com o seu material para: conteudo.avoqueria@gmail.com
COMPARTILHE
Ana Medeiros
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

1 Comentário

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here