Um quarto adolescente autêntico e inspirador

Acho que já contei essa história por aqui, mas vou repetir: Morei na casa da minha vó Edite durante 10 anos da minha vida e mesmo sendo um apartamento de vó, ou seja, com muitos outros primos e tios indo e vindo, sempre tive o meu quarto. No começo era só meu mesmo, depois minha irmã também foi morar lá e tivemos que dividi-lo e foi um caos (Nesse tempo eu era uma pessoa organizada e ela não).

A maior parte desse tempo o meu quarto era azul, assim como as outras paredes do apartamento. Era estranho morar numa casa toda azul, talvez fosse o único apartamento do condomínio que era todo azul, coisa de um tio psiquiatra que cismou na época que as paredes iriam nos acalmar (E quem estava tendo crise de nervos? Não lembro mesmo, hehe).

O meu quarto tinha um guarda-roupa coletivo. Nele além das minhas roupas, eram guardados os vestidos de vovó e de Miloca (minha tia avó), mas realmente isso nunca foi um problema. Tinha uma mesinha lateral ao lado da minha cama, ambos herdados de uma tia, e também duas prateleiras de madeira sem nenhum acabamento na parede (Na época eu achava meio tosco, mas hoje é bem descolado né?). Além disso, tinha também uma mesinha de computador, que servia mais como uma mesinha depósito de todas as coisas.

Uma vez ganhei uns adesivos de estrelas de um namoradinho da época, daqueles que a gente colava no teto e quando apagávamos as luzes as estrelas brilhavam, e até todas virarem cadentes, eu tinha o quarto mais especial do condomínio.

quarto10

Nem sempre um quarto super bem decorado é o melhor quarto né? O meu quarto de paredes azuis, que de dia era céu e de noite era céu também, sempre foi um lar dentro de um outro lar.

Mas vamos realmente falar das dicas bacanas desse quarto lindo, que é também um lugar especial, de uma menininha que está indo morar com os tios depois da morte dos pais.

Pra começo de história é um quarto que traz em sua paleta de cores o preto, e isso é realmente muito massa em um quarto de “menina”. O cinza também presente traz leveza ao cenário, e o rosa completa a paleta sem ser exaustivo.

quarto1

Gosto também de um tapete sobre o outro, pena que não é muito prático nesse nosso país tropical, né? As frases de incentivo nos quadros e pôsteres é algo que realmente tem me tocado, e que pretendo fazer para o quarto dos meninos e para a lojinha que vem aí.

quarto2

Agora para tudo e vamos falar sobre esse espelho!!! Que surra de lindeza! A impressão é que era uma grade de ferro que foi reaproveitada e virou essa maravilha.

Já queremos copiar, não é mesmo?

quarto3

Os piscas com formas geométricas (Que falamos aqui recentemente) dão o toque clean e descoladinho do momento.

quarto5

“Há momentos na vida em que você sente tanto a falta de alguém que você só quer pegá-los de seus sonhos e abraçá-los de verdade”

quarto8

Agora me conta: Quais as suas melhores lembranças do seu quarto adolescente? Eita nostalgia boa <3

Imagens:  House of house 

COMPARTILHE
Ana Medeiros
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

3 Comentários

  1. Amo decoração desde criança, nas brincadeiras de casinha era mais prazeroso “arrumar” tudo, do que a brincadeira em si, rsrs. Na adolescência lampião virava lustre, e lindo, diga-se de passagem, tinha um canto da Coca Cola com almofadões e vários apetrechos da Coca, amigos me traziam copos, garrafinhas e afins… era uma delícia me esborrachar nas almofadas ouvindo músicas e curtindo meu quarto! Adorei relembrar isso. Bjo grande!

  2. Esse quarto realmente é muito encantador. A paleta de cores ficou linda! Tenho 21 anos, aquele limbo entre adolescência e vida adulta. Nunca decorei o meu quarto como gostaria de verdade, a maioria dos móveis foram herdados ou comprados de segunda mão e não tem muita coisa da decoração que me marque de verdade. Também tenho os adesivos de estrelas e cobrem todo o meu teto. Sempre esqueci ou tive preguiça de tirar, mas de vez em quando é legal admirar e realmente dá um efeito legal.

  3. Oi Ana!
    Adolescente?! Tenho 31 anos e amei essa decoração!
    Como diz Mainha: “em ordem de pobre” meu quarto sempre foi jeitosinho, umas coisas compradas outras herdadas, hoje estamos reformando a casa que moramos e estou doida pra pintar a parede logo e poder ir para o quarto novo, são duas casas, iremos mudar para cima e alugar a de baixo, que é onde estamos hoje, o quarto tá quase perfeito, se não fosse o canto da discórdia que sempre fica bagunçado!
    A louca juntou em uma festa de aniversário da Branca de Neve forminhas de doce vermelhas para fazer o pisca-pisca, e falta arrumar uma estante pra por meus livros pra fora do guarda-roupa, vou dar algumas adaptadas nessa decor e providenciar um espelho legal!

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here