Minha querida cozinha…

Taí, a cozinha que sempre reclamei aqui no blog (é pequena, os azulejos são horrendos, parece um beco, o cômodo que mais odeio, etc…) e que vocês não aguentavam mais. Como a gente reclama por nada ne?! Hoje eu acordei e olhei de outro jeito pra minha casa, enquanto preparava o lanchinho do Vinico pra que ele levasse pra escola, olhei diferente  pra essa fanfarrona.

Cada detalhe tem um “causo”, por mais breve que ele seja.Por exemplo? Esse microondas eu ganhei de alguém que  se importou com esse presente no momento que ele foi dado e sei que deu com muito carinho, mas toda vez que ligo o botão (+30) penso que talvez não terei mais 30 minutos da minha vida ao lado dessa pessoa, ela se foi mesmo ainda estando viva. O adesivo contact que colei na parede, em cima do fogão e ali na parte superior do balcão, achei numa tarde muito gostosa passeando com os meus amores no shopping. O copo original do liquidificador quebrou depois de algumas quedas na hora de lavar (sempre fui tão desastrada) mas a última torta salgada que fiz nele, foi uma das mais gostosas…

Biscoito maizena, sempre!! Qual bebê não gosta de sair molhando-o todo de baba até virar uma papinha? É gente, quando ainda não se tem dentes, essa é a solução (Ooown que saudades). E o primeiro livro de receitas de 90% das recém casadas?? Marido semana passada falou “Bem que você poderia abrir esse livro da dona Benta heim? Aprende umas novidades meu amor”, hahaha, coitado não aguenta mais o menu. E o pisca pisca vai ficar aí o ano todo, porque permite um climinha muito aconchegante todas as noites, sem contar que dois olhinhos sempre param atentos quando chegam na cozinha e encontram todo esse espetáculo,rsrs.

E é isso, sigo achando que ainda não é a cozinha ideal, que fazer qualquer almoço nela é meio complicado, não ter onde guardar algumas coisas ainda é um problema gigante. Mas ela é a minha cara, toda menina. E em cada detalhe, tem um toque meu e uma história pra ser contada. To mesmo aprendendo a amá-la…

PS: Sim, sim, eu tenho geladeira, hahaha. Ela fica ao lado do aquecedor, nessa parede de cá. Como esse tal aquecedor é antigo e ainda não fiz o que pretendo fazer com ele, não tirei foto do outro ângulo, qualquer dia mostro por aqui =D

COMPARTILHE
Ana Medeiros
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

27 Comentários

  1. Ahhhh!!! eu gostei!!! eu gostei da cozinha e da história!!! É tão gostoso lembrar dos momentos bons que passamos em cada cômodos da nossa casa. Tb não morro de amores pela minha cozinha, estou mudando várias coisas nela nesses tempos e pra cada canto que olho mesmo não gostando dele eu lembro de algum momento feliz! É tão bom ter lembraças boas né?

  2. Viu?! foi só olhar para a cozinha de um novo jeito e a pobrzinha virou outra coisa – Eu também tenho essas luzinhas na minha cozinha. A noite quando não ningume mais esta usando ou entra só para fuçar a geladeira enfeita que é uma beleza.
    Parabéns!

  3. Oi, Ana, adorei esse post, principalmente por vc não ter fotografado a geladeira. Explico: estou um problema muito sério na cozinha também e ando vasculhando como louca uma inspiração pra minha casa, mas na maioria das fotos não sei onde enfiam a bendita geladeira…Só aparece quando se trata de alguma Smeg! Beijos, Helka

  4. Ana, sua cozinha é feia kkkkkkkkkkkkkk
    do tipo feia arrumadinha, me entende?
    Minha casa toda é assim… mas também tenho meus apegos…
    Linda é você que coloca poesia e encanto na sua vida e partilha com a gente… e não tem beleza maior no mundo do que essa.
    Abraço

  5. Ana, sua linda! Há tempos venho acompanhando o blog e faz tempo que preciso te agradecer por todo carinho que vc nos transmite. Suas palavras hoje me confortaram o coração. Vou olhar a vida de outro jeito…nada de reclamação! Somos privilegiados. Obrigada. Um grande beijo pra vc.

  6. Querida Ana,com poucas palavras voce disse tudo! Tua cozinha e uma grande reflexao sobre a vida, momentos e pessoas, memorias que fazem de nos o que somos. A vida tambem e imperfeita, mas devemos olhar as coisas boas e entender que podemos guardar, o que e bom, e aos pouco mudar o que ainda nao esta certo.
    Mas o mais importante e a visao, pois a beleza estara sempre nos nossos olhos.

  7. Gostei da sua cozinha Ana, a minha também não é bonita não , mas é tão gostoso quando estou lápreparando alguma gostosura para os meus amores ai entra filho e diz que o cheirinho tá bom, ou marido chegando por tras enquanto estou no fogão ou ainda minha cachorra doida abanando o rabo e lambendo literalmente os beiços rsrsr, enquanto cozinho, ou ainda aquele aroma do café fresquinho. A vida é bela Ana, depende de como a olhamos, né. Bjs

  8. Oi, Ana!
    Ai, ai as cozinhas… Até parei pra comentar, hehe. Tenho uma cozinha que detestava. É, no passado. O azulejo dela é azul claro e os armários eram super não funcionais. Eu comprei um gaveteiro e uma placa de mdf, “enjambrei” uma mesa que saía desse gaveteiro, enfeitei tudo com contact (pra parecer conjunto hihi) e voi lá: uma cozinha mais bacaninha pra mim.
    Acho que a cozinha é o mais difícil quando a gente acabou de mudar. Mas é uma delícia inventar nela – o grande desafio, hehe.
    Um beijo e sua cozinha ta ficando uma graça!

  9. Ana
    Obrigada por esse post. E portantos outros.
    Mostrar a normalidade é lindo!
    Se puder dê uma lida no post de hoje no Cantinho de Luzcia. Você é uma das que tem ajudado muita gente. Obrigada!!!
    Beijinhos

    Lucia

  10. Eu achei muito bacana esse pisca pisca sempre gostei de ver esta luminosidade que ele dá ao ambiente uma vez coloquei um no meu quarto quando era adolescente e adorava dormir olhando aquelas luzinhas coloridas piscando bjs……

  11. Ana sua cozinha é linda.
    Ela tem seu charme, mesmo apertadinha, você consegui deixar a sua cara, isso que importa.
    Não gosto de cozinha com jeito de cozinha de móveis planejados… fica estranho..
    Parabéns!!!!!
    beijos
    Telma

  12. Tudo nessa vida é questão de foco …. cabe a gente escolher só ver o lado ruim das coisas ou então ser feliz escolhendo ver tudo com os olhos do coração … o que será que o Vinico acha dessa cozinha?! aposto que acha tudo lindo … vamos aprender com eles a levar uma vida mais leve , vendo tudo com mais cor… grande beijo obs o postcaiu como uma luva pois estava também vivando algo parecido aqui em casa;só que a ordem agora é : mudança de foco!!!!

  13. Olá, amiga adorei o blog, parabens!! Meus ajulejos eram idênticos aos seus, hj são branquinhos, vida nova !!!foram pintados com “novacor azulejo”, recomento viu, minha cozinha ficou liiiinda. Beijo e felicidades.

  14. Ana, ví suas críticas à sua cozinha e é duro quando não gostamos de algo em casa e não podemos mudar! =PPP
    Mas eu ouví falar esses tempos que existem tintas de azulejo, talvez seja sua saída! =)

  15. Sua cozinha é cheia de personalidade, mas se me permitir uma dica: pinte os azulejos ! Vai ajudar muito.

    Um abraço,
    Fernanda

  16. Oi! Adoro seu blog e suas ideias!
    O que você colocou nas luzinhas? E o papel contact é lindo! Você lembra onde encontrou ele?
    Parabéns pelo seu blog!
    Beijos

    • Oi Gisele!
      Coloquei forminhas de cupcakes e o papel contact é da vulcan (eu acho), comprei la no barra shopping, na jou jou.

      Beijos

  17. Que lindo!!!! amei suas histórias. Semana passada resolvi dar uma faxina no meu quarto e descobri tanta coisa… Cada uma me lembrava algo…. Um filho que não mora mais aqui pq casou, uma filha que mora longe e também tem a vida dela…
    E foi assim que eu arrumei tudo. Entre lágrimas e sorrisos revendo minha história, guardando algumas coisas e jogando algumas fora. Eta vida linda, meu Deus! Que bom que temos tantas histórias para contar. beijo no coração

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here