8 dicas para escolher móveis para ambientes pequenos

Temos uma categoria especial aqui no blog apenas para “ambientes pequenos”, e não é à toa Segundo esse infográfico publicado no O Globo, os apartamentos de dois quartos vieram perdendo espaço ao longo das décadas, quanto mais novo o empreendimento (em sua maioria, esqueçamos aqui os padrões luxo), mais são reduzidos os metros quadrados

Muitos truques e exemplos ótimos já foram mostrados aqui no blog sobre como é possível morar dentro desses “apertamentos”, tendo conforto, praticidade e uma casa linda, mas hoje vamos falar um pouquinho sobre como os móveis que escolhemos podem influenciar num ambiente mais harmônico e funcional?

Minha mãe mora com o marido num ap de um quarto, bem pequeno. São só os dois, estão de boa, perto da praia, vidinha tranquila, mas SÓ QUE Dona Rosário tem uma mesa de 6 cadeiras, levou um antigo sofá meu, imenso, e ainda tem uma mesinha de escritório, um buffet e um armário de parede no mesmo ambiente, OU SEJA, se você chegar lá, se prepara pra ficar com as penas roxas. Simples assim, rs.

Então, por favor, não seja minha mãe (ela vai me matar) e se liga:

  1. Móveis retos são os mais adequados. Design simples, atemporal, que permite encaixes, que ocupam os espaços sem sobrecarregar também o visual geral do seu ambiente.
  2. Preze pela versatilidade. Sabe o banquinho que você pode usar na cozinha e também no quarto quando precisar pegar algo nos armários? O rack que tanto cabe na sala de estar, mas que em outro momento poderá ser usado como um aparador na sala de jantar?
  3. Priorize as necessidades da sua família. Se só você e outra pessoa moram no apartamento, pra quê uma mesa retangular de 6 cadeiras? Quando as visitas chegarem, improvise com as cadeiras da varanda. Mesa com pé central e cadeiras sem braço, viu?
  4. Demarque no piso e use uma trena pra medir no ambiente, antes de fazer a compra de qualquer móvel. Ter a real noção do quanto vai ocupar o móvel no cômodo é fundamental.
  5. Opte por móveis baixos e com formatos longilíneos, para ganhar em comprimento. Os móveis mais altos devem ser reservados aos armários dos quartos, da cozinha e área de serviço.
  6. Cabideiros, arandelas, nichos e prateleiras ajudam na liberação de espaço. Atenção com carinho aos “suspensos”.
  7. Móveis claros também são os mais aconselháveis. Nada de cores escuras, pesadas ou muito fortes.
  8. Os que possuem porta de correr também são mais aconselháveis, isso é tipo MUITO importante, rs.

E depois de todas as informações, agora vem uma sugestão para quem não sabe por onde começar: A Aiup é uma loja online bem massa, que tem uns móveis BEM lindos e que são ideais pra quem mora apertadinho, rs. A linha Sensilla é linda, compacta, clarinha, um design lindo e bem acessível:

mesa de centro pode ser usada não só na sala, mas também servir de mesa de apoio quando receber os amigos. A estante Sencilla é muito versátil, pode servir para guardar livros e objetos de decoração, mas também ser usada no quarto ou no seu home office. O criado-mudo é ideal pra quem quase não tem espaço ao ladinho da cama (meu caso), mas não dispensa um apoio para os livros, celular e o copo d’água ao lado da cama. O biombo separa os ambientes sem pesar e é muito charmoso feito todo em ripas, né? Não atrapalha a iluminação e ainda divide dois espaços. O rack Sencilla é o resumo de todas as nossas dicas acima, muito ideal para ambientes compactos, coisa mais linda <3

Todos os móveis acima vocês podem encontrar na Aiup, loja online que entrega para todo o Brasil. Cada móvel mais lindo que o outro, peças assinadas por designers, mas com um precinho massa e acessível. Mãeeee, olha esse post, meu amor!!!

Site/loja: Aiup– Móveis de Madeira

Instagram/Facebook

COMPARTILHE
Ana Medeiros
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here