Suporte para livros DIY

Meu coração só faltar parar e meus cílios quase se jogam dos meus olhos quando vejo um livro caído de uma prateleira, de uma estante alta. Imagina como ficava vendo isso toda hora da na biblioteca da universidade? Mas acabei de crer que tenho vida de vídeo game: morro e vivo, morro e vivo toooda hora de tanto susto nesse coração mole. Tenho pacto com o Sonic, só pode. Saber que um livro voou do alto, se estabacou no chão, bateu alguma ponta, formou orelhas, estragou ou rasgou dói, dói na alma. Na tua dói? Então, nos juntemos pra acabar com esse sofrimento sem fim!

Se a minha alma dói por isso, meu bolso também por outro motivo. É que toda vez que preciso, acho os apoios ou suportes pra livros com preços, digamos, desproporcionais com a minha conta bancária naquele momento. Sem contar que a gente sempre precisa de mais um.

pesinho para livros9

Mas nada que um DIY não salve, hein?

Fuçando algumas opções achei este projetinho que adorei tamanha simplicidade e utilidade. Fora que dá pra fazer vários, presentear, enfim… Chega de lero lero e vamos fazer. É pra djá! O material é tão fácil quanto a execução: tecido, enchimento acrílico (também conhecido como plumante) e arroz.

pesinho para livros1

Eu tenho vários pedaços, retalhos de tecido porque costuro e pude aproveitar. Se você não tiver, basta comprar o mínimo de tecido em algodão, algum tricoline por exemplo. Aqui o mínimo vendido é 30cm. O tricoline é mais firme, alguns bem encorpados. Escolhi o xadrez preto e branco pra combinar com as estantes da sala que forrei com o mesmo tecido.

Primeiro, aproveitei todo o retalho, um ficou levemente maior que o outro, mas como a ordem é reaproveitar, não me importei. Cortei retângulos de 33cm de comprimento por 20cm de largura. Dobrei ao meio do sentido do comprimento. Passei a costura aí. Formou um saquinho.

pesinho para livros2

Desvirei o saquinho e passei a costura por fora, pra dar acabamento. Em seguida coloquei o enchimento e depois o arroz e mais uma vez, o enchimento. A ideia é fazer um sanduíche-íche com estes materiais: enchimento + arroz+ enchimento. Coloquei um copo de arroz cheio em cada. Ficou firme, mas não pesado.

pesinho para livros3

Com o saquinho cheio, dobrei as bordas do tecido pra dentro e no sentido oposto à primeira costura. Se a primeira costura, fiz no sentido horizontal, essa vou fazer no vertical, entende?

Isso é o que dá a forma e cria o triângulo que a gente precisa. Alfinetei e passei a costura de acabamento de vez. O legal é que o enchimento não deixa o arroz vazar nessa hora aí.

pesinho para livros4

pesinho para livros5

E prontchenho! Mais fácil que isso…

pesinho para livros7

O arroz pode ser substituído por qualquer areia mais granulada ou pedrinhas bem pequenas. Os triângulos funcionam mesmo, fazem uma leve pressão nas laterais e seguram os livros. Agora todo mundo tá a salvo em qualquer parte alta e eu não preciso mais cair dura vendo os livrinhos pendendo pra uma queda trágica! 😀

pesinho para livros8

Um beijo, genten!

Eva Mota é jornalista e designer de interiores, mora em Vitória da Conquista e é casada com um cara que ama e produz cinema. Após alguns anos aparecendo nas telinhas como repórter de TV, resolveu apostar no seu lado criativo e inquieto, e hoje além de escrever no blog Ateliê Casa de Maria, também empreende e cria coisas lindas para a Lojinha Casa de Maria.

COMPARTILHE
Ana Medeiros
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

4 Comentários

  1. Ai mulher muito obrigado sério eu tava a séculos procurando um apoio pra livros que eu gostasse e finalmente encontrei um, minha mãe é costureira vou pedir pra ela fazer pra mim. Mas sério muito obrigada mesmo.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here