O risoto prático de jerimum e charque da Pitadinha

Vocês andam conseguindo comer direito nessa época tensa de eleição? Confesso que passei umas semanas sem apetite, comendo na obrigação. Nas duas últimas semanas o comportamento da minha linda mente deu uma reviravolta (assim como espero que aconteça nesses últimos dias antes do segundo turno) e tenho comido até tijolos recheados com argamassa gourmet. Tá difícil.

E nessa tensão a gente sai comendo o quê? Muita besteira. Só que chega uma hora que também cansa né? Bora comer comida de verdade:

Abri o armário e tinha um restinho de arroz arbóreo, olhei pra geladeira um jerimum quase se estragando e daí lembrei de uma receita da Pitadinha que tinha me deixado salivando em outros tempos: O risoto de jerimum com charque (ou abóbora com carne seca) feito na panela de pressão em dois tempo.

Aqui a receitinha para duas pessoas. Trouxe a receita e explicação da dona Ju pra cá, mas lá no blog dela também tem outros risotos deliciosos e prático mais um monte de receitas ótimas:

  • 1 xícara de arroz arbóreo
  • 1 xícara de charque cozida e desfiada
  • 3 xícaras de caldo de charque
  • 1 xícara de jerimum cozido e amassado grosseiramente com o garfo
  • 1/2 xícara de queijo coalho ralado
  • 1/2 cebola picada 
  • 2 colheres de sopa de manteiga de garrafa
  • Azeite para refogar e finalizar
  • Salsinha a gosto

Para preparar a charque e o caldo: Corte a charque em cubos grandes e leve ao fogo na panela de pressão com água. Quando começar a fazer o barulhinho, apague, retire a pressão e troque a água. Você vai fazer isso por 3 vezes. Na última vez que for levar a panela ao fogo, adicione à água 1 folha de louro e 1 talo de alho poró ou 1/2 cebola e 1 dente de alho. Tampe e leve ao fogo, desta vez para cozinhar a charque por aproximadamente 20 minutos ou até que ela esteja macia. Retire a carne com cuidado da panela e leve ao processador ou liquidificador no modo pulsar apenas algumas vezes até ela ficar desfiadinha. Não descarte o caldo da panela: passe por 1 peneira e reserve 3 xícaras de caldo para preparar o seu risoto.

  1. Refogue a cebola picada no azeite na panela de pressão até ficar transparente
  2. Adicione o arroz arbóreo e o caldo de charque, tampe e aguarde começar a pressão
  3. Conte cinco minutos, apague o fogo e retire a pressão com cuidado
  4. Adicione o jerimum cozido, a charque, a salsinha picada, o queijo coalho ralado e finalize com a manteiga de garrafa

Eu não coloquei sal pois o sal do caldo da charque foi suficiente para temperar o risoto. Mas se for necessário, acerte no final. Eu sempre dessalgo, cozinho e desfio a charque em grande quantidade, depois congelo em saquinhos. Assim quando preciso já está super adiantado.

COMPARTILHE
Ana Medeiros
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

1 Comentário

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here