Montando o seu chá de bebê

E já que estamos falando de comemorações, vamos sair dos 30 e fazer uma viagem para dentro da barriga da mamãe. Não, não eu…Hahaha. Deixa eu explicar melhor:

Tenho uma amiga querida prestes a completar 5 meses de gravidez, e ela me pediu um post com inspirações para o seu Chá de bebê. Quando estava grávida do Vinícius, não fiz uma festinha propriamente dita, era apenas uma grávida sozinha e jogada ao relento em terras cariocas, praticamente sem amigas e dedicada a criar esse blog que você está lendo agora (Sabia?).

Se bem que estou pensando em engravidar de novo e agora seria diferente porque estou na minha terrina, ops! Esquece não tá mais aqui quem escreveu isso, deleta, deleta, corre, deleta, ufa!

Tradicionalmente é um “evento” organizado pelas amigas da grávida, mas tenho notado que as mamães que estão colocando a mão na massa e fazendo do seu jeito, até porque é uma delícia organizar esse tipo de festa (Sou suspeita, adoro preparar e fazer festa de crianças).

Hoje você pode optar por várias “modalidades” de um chá, sem precisar pagar as piores prendas da história e sair toda pintada de batom e sem roupa, amém!

E quais as opções?

Chá da tarde – Acontece obviamente no finalzinho da tarde, e pode ser decorado com um ar romântico: Arranjo de flores espalhados pelo ambiente (Gosto de lírios e Gipsofilas – flores miúdas e branquinhas), pratos de sobremesas clarinhos e xícaras com carinha de vó. Paleta de cores em tons pastéis.

Brunsh – Realizado no meio da manhã (Por voltas das 10:30h) e pode ter um clima mais descontraído. Gosto da ideia de balões coloridos, cores mais fortes e acho interessante usar cestinhos de vime e/ou palha para servir os convidados. O menu varia entre frutas, frios, pãezinhos, tortas salgadas, saladas e bolos não muito enjoativos.

Chá de fraldas – Ideal para quem quer fazer um belo estoque do maior gasto que você terá no primeiro ano do seu bebê, rs. Geralmente os homens também participam né? Bacana que tenha uma decoração também descontraída e alegre, arrisco até um churrasco ou feijoada. É nesse tipo de festinha que vale todos os clichês: Estão sendo muito usados os bolos de fraldas, nada mais do que fraldas empilhadas em torre e presas com fitas. Vá testando e praticando a receita do seu bolo para que ele não fique pendendo para os lados e use de preferência fraldas P, vai por mim, rs. As vezes o povo faz uns tão tortos que chegar a doer até em quem não nasceu ainda.

Chá da mamãe – Foco na mãe que ela também é gente e merecedora de todos os paparicos imagináveis. Uma alternativa para quem já tem tudo do bebê e quer fazer agora o seu enxoval, até porque, será necessários muitos itens que você não tem até o momento: Sutiãs de amamentação, cintas, camisolas, calças de elásticos, blusas abertas na frente. A gente não costuma pensar muito na gente, mas o gasto também é grande!  O decoração pode ser feita com itens ligados a maternidade, e não só ao bebê. A cor preferida dela, o nome dos dois em plaquinhas de cupcakes e bandeirolas pra decorar. Que tal contratar uma massagista e uma manicure para o evento?

Escolhido o tipo de festinha, agora é hora de decidir o tema. Pode ser apenas uma paleta de cores ou algo sutil como bolinhas, lacinhos,  roupinhas no varal, ou ainda algo mais temático, como ursinhos, corujas, passarinhos, bonecas.

 E ideias para decorar essa data tão especial? Te mostro algumas, basta você adaptá-las e fazer a festa acontecer!!!

Simplicidade gastando pouco

Linda toda essa decoração, certo? Agora olha bem que simples fazer o seu chá ou da sua amiga nessa “vibe”: Comece garimpando na casa de familiares e amigos, bombonieres, vasos e bandejas de vidro. Passe numa casa de doces mais próxima, e compre muito marshmallow de todos os tipos e cores, jujubas e balas mais finas. A guirlanda na parede pode ser feita com feltro nas cores dos tons da festa. Taí uma decoração linda, simples e barata. Prepare garrafinhas de chá, sucos e refrigerante, acompanhado de mini sanduíches e torradas, que tal?

 Aposte nos detalhes que encantam 

Não é porque você escolheu o tema “passarinhos” que a sua decoração será clichê.Fazer algo original é possível sim, desde que você se prenda nos pequenos detalhes, que no final das contas, são os responsáveis por uma bela festa. Reutilize objetos como copinhos de vidro de embalagens do dia a dia. Vale ir até a  feira livre e procurar por gaiolinhas para abrigar doces e salgados, além de prestar atenção nos galhos que você pode encontrar fazendo um passeio no parque da sua cidade.

E o que tá na “moda”?

Bolinhos de fraldas, lembrancinhas em saquinhos craft, pompons de seda e varalzinho de recados para a mãe do bebê e para ele. A dica aqui é “incrementar” e usar a imaginação em cima do que é tendência, seja criativa. Não esqueça de planejar a quantidade de cada tamanho de fralda ou de roupinhas que você vai precisar (E como mãe experiente, peça mais fraldas tamanhos M e G e roupinhas acima de 6 meses ) e anote nos convites dos convidados.

 Mais detalhes importantes…

*Interessante é que o seu chá aconteça entre o sexto e o sétimo mês, além disso, não é confortável para a mamãe.

*Ajuda nunca é demais! Se for a própria grávida que vai organizar o chá, ela vai precisar de uma amiga ou irmã para ajudá-la com tudo. Convoque o máximo de pessoas possíveis para participar dos preparativos. No caso da lista de convidados, mesmo sendo as amigas que estejam organizado o evento, é legal que a “mamis” resolva quem vai.

*As tradicionais brincadeiras não precisam ser obrigatórias, eu particularmente não gosto muito. Acho que é mais bacana aproveitar a reunião para conversar com as amigas e  trocar dicas com as que já tenham filhos, não é todo dia que temos a oportunidade de reunir todo mundo né?

*Registre esse momento, e se possível, contrate um fotógrafo ou deixe alguém responsável pelos cliques =)

*Lembrancinhas de porta de geladeira ou bibelôs? Geralmente as pessoas não usam e vão para o lixo ou fundo de gaveta, essa é a verdade. Muito mais proveitoso é presentear os convidados com cupcakes, macarons e docinhos finos.

É isso, aproveite o dia de vocês dois e se prepare para o “acontecimento” mais lindo e importante da sua vida, o dia em que o seu bebê estará em seu colo.

Imagens: Hostess

COMPARTILHE
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

6 Comentários

  1. Deu vontade e dá mesmo?!
    Adorei as dicas e já indiquei o post para as amigas.
    Momento “Coisinhas de Marcinha”…faço lembrancinhas úteis também para a ocasião e concordo que itens como lembrancinha sem uso não vale.
    Bjssssssssssss

  2. Caiu como uma luva, Ana. Estou sendo a amiga da mamis e estou ajudando uma amiga minha grávida com todos os detalhes do chá. Inclusive, hoje, estávamos definindo muitas coisas. Adorei o post. Lindo e fofo, como sempre.
    Beijos.

  3. Ana, tive dois chás de bb (na vdd, três, pois fiz dois na última gravidez, em cidades diferentes para amigos diferentes). Meu filho mais velho está com 10 anos e já naquela época fiz questão de preparar meu chá de bb. Tive algumas surpresas preparadas por amigas, mas a base de tudo foi minha. No(s) último(s) chá de bb, fiz ainda melhor, com brincadeiras legais onde todos se divertiram e uma decoração simplezinha, mas que amei!!!

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here