Louças limpas, ganho de tempo e o meu dia a dia…

Apenas três meses pra chegada do Bernardo e me pego pensando muitas vezes como darei conta de dois filhos, da minha casa, do meu trabalho com o blog e agora com o Casa de Criação, além de todos os pormenores que todas essas atividades implicam. Imagina levar filho pra escola, amamentar, fazer almoço, responder emails, gerar conteúdos, criar peças novas pra loja, namorar o marido e cuidar de mim? Hahaha, cansei só de escrever. Essa é a realidade que só tende a ficar mais e mais “puxada”, rs.  Vale ainda lembrar que preciso de tempo pra praticar uma atividade física e pelo menos fazer as unhas uma vez por semana, além de ter realmente um espaço na agenda de total descanso pra fazer o que quiser com um tempinho livre, ou a gente acaba pirando e envelhecendo precocemente uns dez anos.

A presença do Leo em casa tem sido fundamental pra que possamos dar conta do ritmo da nossa família, mas tem dias que olhamos um para o outro e falamos quase que no mesmo momento com olhar de desespero: Socorro! Principalmente porque trabalhar home office e conciliar as horas de dedicação as tarefas domésticas, não é nada fácil. Temos diarista duas vezes por semana que nos ajuda com a faxina mais pesada e passando as roupas, mas ainda assim, nossa casa não é tão pequena e todos os dias exige manutenção, principalmente porque temos criança (E logo logo um recém nascido) e cachorro.

Acompanhando o blog e depois através de contatos por email, a Brastemp e a Finish me ofereceram um presente pra me ajudar nesse corre corre: Uma máquina lava-louças e um kit com produtos Finish, contendo todos os produtos necessários para deixar as louças limpinhas e brilhantes. E qual a finalidade? Me poupar o tempo de lavar os pratos todos os dias, que aqui em casa é sempre na hora do almoço e jantar (Vocês não tem a impressão que eles se multiplicam como alienígenas ao longo do dia?).

Confesso que topei o desafio com um certo receio, porque fiquei com vários capetinhas atrás da orelha, questionando sobre o tanto de energia que  iríamos gastar a mais por mês, se a quantidade de água usada seria grande e se realmente ela daria conta de lavar os pratos mais gordurosos e panelas.

Fui fazendo o teste dia após dia, verificando o consumo e fazendo contas. Posso falar? Não sei como vivi sem essa danada por tanto tempo, e digo mais, deveria desde sempre ter escutado a minha mãe, que tem uma lava-louças  também e vivia me dizendo que a tal da lava-louças é vida! Assim como muitas eletrodomésticos foram se aprimorando no quesito consumo de recursos, com a lava-louças não foi diferente, diria até que existe um grande mito em torno dela, porque todos os meus preconceitos caíram por terra. 

lava-louças ana medeiros2

Após o almoço coloco tudo o que sujamos na máquina e programo pra esperar pela louça do jantar, como ela tem espaço suficiente, atende toda a nossa demanda. Não preciso lavar nada antes, ela super dá conta do recado até com os pratos mais sujos. Só as panelas que lavo separadamente numa segunda lavagem. Antes de dormir já tá tudo limpinho, seco e pronto pra ser guardado.

Outra vantagem além de umas duas horas livres que ganhei no meu dia, é realmente o conforto físico, ainda mais agora nessa fase de gestação. Quem já engravidou e passou algumas horas encostada com o barrigão na pia da cozinha, sabe muito bem o que é dor nas pernas e principalmente na coluna.

Então após passar minhas impressões pra Brastemp e Finish, repletas de alegria e satisfação (hahaha), fechamos uma parceria bem legal: Vou usar esse meu tempinho livre pra fazer algo bacana, com atividades prazerosas e que me proporcionem bem-estar. Com patrocínio deles, irei contando aqui no blog o que farei, numa espécie de diário. Estou super animada com os próximos posts,  já que tenho pavor que o blog fique com cara de site de decoração e perca essa “pegada mais pessoal”.  Aguardem que vem muitas novidades e aventuras por ai!

lava-louças ana medeiros

COMPARTILHE
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

29 Comentários

  1. Nossa, parece que caiu do céu esse post. Estava agora mesmo, vendo uma igualzinha a sua pra minha nova casa. Eu já tinha me decidido a me “entregar” à lava-louças, só ainda não tinha certeza de qual.
    Porém, acho que acabo de colocar o ponto final às minhas buscas.
    Uhuu!
    Obrigada pela dica e irei acompanhar os próximos capítulos

  2. Também tenho uma e é uma mão na roda, principalmente porque só meu marido mexe… rs. Mas mesmo assim minha casa é um caos. Simplesmente não sei o que fazer, e olha que tenho um filho só e zero cachorros…

  3. Oi Ana.. eu já tive uma máquina de lavar louças nessa fase de filhos pequenos e foi uma mão na roda!! Detalhe: sou mãe de três. Super indico também essa maravilha da tecnologia! beijos

  4. Estou querendo comprar uma lavadora pra mim pequena. Porém o meu receio é, limpa mesmo os pratos e copos? Sei que as panelas ficam de fora por causa do teor de gordura ser maior. Ana, cumpre mesmo a limpeza legal? E o gasto de água é grande?
    Se puder fazer um post mostrando as loucas lavadas, o gasto de água e energia eu te agradeço.

    • Olha, vou responder por ela kkkk.

      Panela lava sim e lava bem. A unica vez que eu vi não lavar integralmente foi quando meu marido colocou um copo cheio de chocolate seco de uns dias (ele esqueceu o copo no quintal!).

  5. Eu tenho em casa e nao vivo sem, ate as panelas coloco dentro! So dou uma pre lavada nas panelas com comida grudada! Eu moro nos EUA entao temos agua quente (nao sei como funciona isso no Brasil) nas torneiras e na maquina nao seria diferente e posso afirmar que tira toda a gordura, fica ate mais limpa do que quando lavada a mao! Em relacao ao consumo de agua, acho que gasta menos do que lavar na pia, uma vez que a maquina nao fica cheia de agua, a quantidade de agua e bem menos que a metade da maquina e lava bastante louca de uma unica vez!

  6. Ando mesmo nessa dúvida cruel, esse “diário” me ajudará bastante a decidir. A respeito de cuidar de casa, filhos, trabalho, marido e de nós mesmas, realmente é muito difícil dar conta de tudo, mas a gente consegue, afinal somos mulheres, já nascemos com super poderes e eles aumentam muito quando nos tornamos mães!
    Bjs, amo esse blog, venho sempre aqui!!!

    • Foi super fácil sim Carolina, nao precisamos fazer nenhuma obra, somente trocar um cano pequeno abaixo da pia, mas que nem precisou de quebra quebra. Não sei se é o mesmo procedimento para todos os tamanhos e modelo, mas aqui o Leo instalou em 10 minutinhos.

      • Que maravilha!!! Esse era o meu medo! De ser algo complicado que precisasse de alguma instalação intergalática!! Mas fiquei mais animada agora!

        Bjs!!!

  7. Posso dizer que prá tudo se dá um jeito…tive meus dois filhos com um ano e oito meses de diferença e posso te garantir que vai dar tudo certo.Já a máquina, antes achava que não era muito importante, hoje em dia já está na minha lista do papai noel….faz uma falta danada!Ah, amei a cortininha da sua pia, aqui em casa também é assim…eu amo!bjcas
    entra no meu blog de arquitetura…www.arquiteturapossivel.blogspot.com.br

  8. Menina, quando eu e meu esposo juntamos os trecos (rsrsrs) ele quis comprar uma mas achei q seria totalmente desnecessário, q ñ atenderia a sua função de forma eficaz. Mas agora lendo esse post senti um aperto no coração, dá uma preguiççaaa lavar os pratos quando chego do trabalho e como minha cozinha é compacta e com móveis planejados não teria mais onde colocá-la, vou ter que esperar pra próxima moradia, q ele ñ veja o q estou escrevendo se ñ vai dizer: Num falei q era bom! rsrsrs Agora tb acho q vc devia mostrar os resultados, tipo Só acredito vendo! rsrsrs

  9. Eu amo a minha máquina de lavar! Tenho ela há uns meses e realmente não sei como vivi sem ela. Eu indico a todos que comprem, porque é maravilhoso ter a pia limpa depois do jantar!!!

  10. Quando morei fora, todas as casas tinham lava-louça, e vi que aqui no Brasil ela não emplacava pelo mito gerado a partir de uma cultura, principalmente a classe média, que tem necessidade de uma empregada doméstica, até mesmo como forma de distinção social.
    O uso que fazemos de água para enxaguar as louças é tanto ou mais que o uso da água utilizada na lava-louça, que faz uso em forma de bacia. Percebi isso ao ver os europeus lavando a louça fisicamente, eles tem o mesmo ritual de limpeza que a máquina detêm, o que ao meu ver economiza muito mais água. Isso sem somar em todos os outros benefício físicos do sujeito encarregado de lavar essas louças.

    Sonho com uma, mas infelizmente o preço desses eletrodomésticos (que ainda não estão como utilidade básica ao dia-a-dia de uma cozinha) é muito alto para muitas famílias brasileiras. Acredito, (sonhadora, eu? Imagina!) que um trabalho mais assíduo de propagandas de conscientização dos benefícios de ter lava-louça (é praticamente igual a uma máquina de lavar!) deveria ser feito para desconstruir falácias a respeito dessa lindeza de equipamento, como também para a popularização do mesmo.

    Sigamos em frente fazendo nosso boca-a-boca de seus benefícios, quem sabe, daqui a pouco, ela não cai na graça/cotidiano do povo brasileiro e se torna equipamento básico de uma cozinha (não tão modesta assim). 😉

  11. Eu já tive uma que com o tempo estragou,no momento estou sem,mas será por pouco tempo,pois moro em casa de praia e no final de semana minha casa a lotação é grande.Socorro,eu preciso de uma Brastemp para me ajudar.hehehe

  12. Poxa, só de pensar que quando eu casei com meu marido ele tinha uma, e eu fiz ele vender porque aqui em casa não tinha voltagem 220 🙁 oh céusssss, e eu estou necessitando de uma, lavar louça é um teste de paciência, e as unhas né?? rss

  13. Ana, eu estou remontando minha casa pois, como você, eu morava em outro estado e vendi tudo lá para recomeçar aqui em Recife. Queria saber o modelo de sua máquina pois já estou super decidida a comprar uma para minha casa.

    Se alguém souber e puder responder, agradeço.

  14. Nossa, muito bacana essa iniciativa da Brastemp e da Finish, Aninha!

    Aqui em casa uma máquina dessas é tipo sonho de consumo. Como minha cozinha é integrada com as salas de estar e jantar, não dá pra deixar um copo sujo que fica parecendo tudo bagunçado. Máquina de lavar é essencial, mas ainda não temos plano$ de ter uma. 🙁

    Beijos e sucesso!!!

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here