Industrial e clássico: Apartamento de 130m² que mistura estilos com um resultado incrível

Fiquei impactada com esse projeto porque ele traz a madeira em total harmonia com os elementos já conhecidos do industrial, um deleite para os casais que curtem estilos diferentes. Com ambientes amplos e o acabamento mais rústico das estruturas expostas, o arquiteto Pietro Terlizzi adicionou o conforto com a ampla presença da madeira e um clássico dos sofás: o conhecidíssimo Chesterfield.

O equilíbrio e as referências trazidas no projeto de arquitetura de interiores exaltam a reforma desse apartamento, com 130 m², realizado pelo arquiteto Pietro Terlizzi.

O profissional explorou as referências do estilo industrial em uma sintonia super alinhada com o perfil do morador, um jovem empresário. A planta original do imóvel teve como foco a integração dos espaços, além de proporcionar a iluminação e ventilação natural

No hall de entrada, o arquiteto Pietro Terlizzi usou a madeira ripada do forro para esconder parte da infraestrutura do ar-condicionado. Na sala de TV, a base suspensa de concreto preenche a posição do rack , que é completada pela estética do couro caramelo na poltrona Charles Eames e o jogo de sofás.

A combinação entre as tonalidades cimentícias e a madeira, em suas diversas finalidades, resultaram na base monocromática que se comunica com a inserção de cores, ora em evidência nas paredes, revestimentos, quadros, bem como o tapete e os próprios mobiliários.

No coração de muitos lares, a mesa de jantar é muito mais que um móvel acompanhado por cadeiras: é um elo que une o anfitrião com seus familiares e amigos para criar memórias, histórias e risos compartilhados. Próxima à bancada da cozinha americana, a mesa escolhida por Pietro estabelece uma conexão bem equilibrada entre a sala de TV e a cozinha.

A cozinha explora a consonância entre o concreto e a serenidade do azul escolhido para a marcenaria. Ademais, o morador tem à sua disposição a ilha central com cooktop – acompanhado por uma coifa robusta – , e a porta de serralheria que preserva seu acesso desde o hall de entrada, mas sem impedir a passagem da luz natural.

No lavabo, a proposta envolveu dois momentos: a cuba, apoiada em uma estrutura de serralheria, ficou do lado de fora e está próxima à cozinha. Na parte interna, a aparência do cimento queimado marca presença no piso e nas paredes

Na concepção da suíte master, o profissional apostou no efeito lambri, na cor azul, para recobrir toda a parede da cabeceira. O guarda-roupa seguiu uma proposta semelhante à estante e chama atenção pela marcenaria fechada no meio e as laterais com nichos abertos.

Mais informações:

contato@pietroterlizzi.com.br 

@pietro_terlizzi_arquitetura 

www.facebook.com/pietroterlizziarquitetura 

Contato: 11 9 7602-2505 

Endereço: Rua Mourato Coelho, 798 – conjunto 51 – Pinheiros, São Paulo (SP). 

Imagens: Guilherme Pucci 

COMPARTILHE
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ há 15 anos e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas. É mãe solo, escritora, empreendedora e pesquisadora dos jeitos de morar. Atualmente está debruçada sobre como a nossa criatividade pode tornar os nossos lares verdadeiramente afetivos.
Faça seu comentário

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here