Estou de volta – Recomeço, a minha nova casa.

Voltei!

Antes de tudo quero agradecer a todos que enviaram mensagens aqui no blog, emails, oraçoes, um alo nas redes sociais. Me senti muito amada e querida e jamais terei como retribuir tantas energias e sentimentos bons. Pessoas que se emocionaram e foram muito verdadeiras em cada palavra. Valeu, gente!

Como as coisas estao atualmente? Sei que essa talvez seja a maior curiosidade de todos, e apesar de querer reservar esse momento somente a nossa família (Nunca deixaremos de ser família e é assim que estamos encarando tudo isso), posso dizer que estamos todos bem. Eu e o Leo continuamos trabalhando e cuidando dos nossos bebes, juntos e diariamente, e assim prosseguiremos independente de qualquer outro sentimento que estamos vivendo agora.

Como já contei por aqui e nas redes sociais, mudei de casa e isso foi extremamente importante pra mim. Nós fomos morar naquela casa enorme (Onde o Leo ainda reside temporariamente) para unirmos família e trabalho, uma casa comoda, linda e confortável, mas desde que mudei pra Pernambuco, há 3 anos, tinha na minha mente que queria uma casa modesta, de interior, com quintal e aconcheante, e fui em busca dela para o meu recomeço.

Sou uma pessoa de sorte, encontrei anjos no meio do caminho, um deles foi uma amiga querida que estava de mudança para outro local da cidade e quando pedi pra alugar a casa que iria ficar desocupada, prontamente fui atendida <3

A casinha é do jeito que sempre sonhei. Tem tres quartos, sendo uma suíte, sala, cozinha, banheiro, área de serviço, garagem e quintal! É uma casa antiga e charmosa, com portas verde menta e fachada colorida. Muitas coisas pra fazer sim, ou seja, teremos muitos posts aqui no blog de “antes e depois”, e próxima semana, sem falta, vou gravar um vídeo pra voces com um home tour e falando sobre tudo que pretendo fazer na decoraçao, combinado?

Tirei algumas fotos mesmo o dia estando bastante chuvoso pra sentirem o “clima” do lugarzim…

casa no interior ana medeiros7

casa no interior ana medeiros3

casa no interior ana medeiros1
casa no interior ana medeiros4 casa no interior ana medeiros5 casa no interior ana medeiros6 casa ana medeiros

Tudo ainda está bagunçado, encaixotado, embalado, mas vamos organizando tudo juntos, tá?

 “Já não importa mais a casa onde morei. Importa sim, a casa dentro de mim. Sabendo que vou me lapidando a partir do que existe, mas também daquilo que vivi e deixei partir. Entendendo que minha fachada não é somente o reboco visível, mas sim muitos outros alicerces imperceptíveis aos olhos. Descobrindo que também abrigo palavras não ditas, caminhos não escolhidos, sonhos não realizados. Aceitando a vida como ela é, cheia de acertos e imperfeições, percalços e contradições, desafios e realizações…Fabíola Simoes, para Obvious.

COMPARTILHE
Ana Medeiros
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

53 Comentários

  1. Que bom que voltou! Já estava aflita de entrar nesse blog todo dia e não encontrar nenhuma atualização!!! Boas vibrações pra você e sua família nesse momento! estou sentindo falta dos posts dos colaboradores tb! Adoro esse blog, me inspirei aqui pra montar minha kitnet!!!

    Beijos!!!!

  2. Infelizmente não tem como dizer que estamos felizes com esse término, mas enche meu coração de alegria ver seu recomeço, a sua força sempre foi inspiradora, agora ainda mais, tanta gente de mimimi e você aí porreta mostrando que a vida é sempre pra ser vivida! Já tinha visto umas fotos da casa no insta e tava morrendo de amores por ela, linda demais parece de boneca, felicidades no seu novo reino! Bjos mil, pra vocês todos!

  3. Oi Ana.
    É muito bom ver que você está seguindo em frente e procurando por um lugar que você se sinta bem.
    Adorei seu novo lar, é bem do jeitinho que espero morar um dia. Que você e seus pequenos sejam muito felizes aí!
    Vou ficar aqui acompanhando, você deixar essa casa ainda mais com a sua cara.

    Beijos

  4. Ana!
    Que maravilha ler isso! Estou terminando um relacionamento hoje, e os sentimentos são muito confusos. Sinceramente nem sei o que fazer.. parece que um pedaço de você se foi. Mas vendo você recomeçar, fico muito esperançosa de em breve conseguir também! Obrigada!

  5. Querida Ana, você é uma guerreira cheia de luz própria. A vida ainda vai te dar muitos motivos para ser feliz, acredite. Fiquei feliz com a tua volta. Pouco comento, mas entro aqui todos os dias e gosto da tua energia, da tua força e da tua capacidade de te reinventar. Pessoas como você são predestinadas ao melhor e não serão eventuais desvios de rota que a farão perder o rumo. Grande beijo e fique bem.

  6. essa citação ao final do post foi como receber um abraço… obrigada por dividir e inspirar coragem pela vida. todas as bênçãos à casa nova!

  7. Seja bem-vinda a casa que a sua vó queria…Certeza que a sua vó quereria uma casa assim…
    Porque vendo essas fotos senti muito mais da Ana do que naquela antiga, talvez esse rebuliço interior (tão saudável) aconteça por esse motivo… Essa saudável busca por nós mesmo, mas certeza que a melhor parte de tudo isso é começar a se sentir mais “sua”.
    Nesta casa senti o gostinho daquele AP no RJ que você postava quando comecei a acompanhar o blog, gostinho de aconchego, de família e de extremo amor…
    Que seus dias sejam assim, Ana… Repletos de amor… Seja ele como for… Calmo, suave, fraternal, materno, avassalador, amor próprio, amor pela vida…
    Estamos aqui desejando tantas coisas boas, que cedo ou tarde tá chegando por aí!! A minha energia da indo aqui do Acre, talvez demore um pouco, mas já já chega… É bom que tem coisa boa chegando o ano todo!! rsrsrsrs
    Com carinho,
    Ju

    P.S: Tenho a caneca do Darth em cima da geladeira!! rsrsrsrs

  8. Que vc seja ainda mais abençoada nesta nova fase, continue firme e forte querida, vc é uma vencedora e continuará sendo!!! Bjus no coração 😉

  9. Oh Ana, como queria te dar um abraço agora, mas sinta-se abraçada.

    Esse recomeço deve estar sendo difícil, mas vc vai se levantar com certeza.

    Amei a casa, o papel de parede, os lustres. Eu não faria mais nada nela, mas como sei o quão inquieta vc é, já estou louca para ver os próximos capítulos dessa história.

    Beijão em vc e nos pioios mais lindos da internet.

  10. Sou mais uma de suas leitoras anônimas (agora não mais rsrs!) e sei bem o que é recomeçar!
    Já cai e levantei tantas vezes que nem dá pra contar…
    Então posso falar com propriedade: Tudo vai dar certo! Sempre dá!
    A vida é imprevisível, mas nisso é que está (também) a graça de viver, né?
    Amei sua casinha! Amo essa cidade e sonho um dia morar nela.
    Quem sabe um dia, o mundo gire e me traga de volta pra Pernambuco!
    Muita luz pra você!

  11. Ana, em primeiro lugar gostaria de dizer que sinto muitíssimo, amo voces sem mesmo conhecer, e isso me deixou profundamente chateada, mas acredito que para tudo em nossas vidas existe um proposito de Deus, algo inesperado que muito vezes não pensamos em nem chega aos nossos corações, mas ele como conhecedor de todas as coisas, conhece muito bem o dia por vir, apesar de muita vezes não aceitarmos o seu querer, mas ele sabe o que é melhor para nós, assim como em uma tempestade, parece que o sol nunca mais vai aparecer, mas ele surge, lindo radiante, esplendoroso, caloroso, a tempestade vai passar, tenha certeza, e o sol vai surgir, mais lindo do que nunca na sua vida…, o seu blog, o seu trabalho sempre me serviu como inspiração, quando vejo uma coisinha sem graça na minha casa, já me lembro de voce e corro para colocar alegria, continue assim, forte, determinada, decidida, pro ativa, inteligente, linda e cheia de ideias, estaremos orando por voce, ahhhh, e não posso esquecer sua nova casa é liiiiiiiiiiiiiiiiiiiindaaaaaaaaaaa, muito mais que a outra, creia que já é Deus trabalhando em sua vida, ele dá o frio e providencia o cobertor (e que cobertor) bjus pra voce e pros pioios, rsss…

  12. Olá,
    No seu post anterior, eu fiquei sem jeito de comentar (teclei e deletei pq não entendi direito o q estava acontecendo e pensei q fosse dar um fora #taofacildarconselhos, este é o meu sobrenome – rs)
    Na época eu pensei em teclar q “se te fecham uma porta, Deus abre uma janela…” – e agora vendo a sua casa nova, lendo um pouquinho da “coincidência” de “encontrar um lar cheio de janelas”, reconheço o qto esta frase faz todo o sentido…
    Seja muito feliz nesta nova fase da sua vida!!!
    Ah, e já vejo a frente da sua casa cheia de plantas, enfeites, artesanatos, cheia de personalidade, enfim, com a sua cara – rs
    Bjos e sinta-se abraçada

  13. Oba! Bem-vinda de volta! Energias positivas para um ótimo recomeço! : )
    Que a casinha nova lhe inspire ótimas ideias pra felicidade geral dos leitores!
    Força sempre!
    Abraço!

  14. Querida Ana, tenho trabalhado tanto que fiquei semanas sem passar aqui no ACQMVQ. Fiquei assustada quando li seu novo post e percebi que algo não estava igual, que não era só uma mudança de casa. Voltei algumas páginas pra saber o que perdi… Tentei ler seu post para o meu marido, com quem eu falo de você como se nos conhecêssemos pessoalmente há décadas, mas não consegui… o coracão apertou, deu um nó na garganta, a voz sumiu embargada pelas lágrimas. Acho todo fim muito triste… isso é meu, não lido bem com rupturas e mudanças de qualquer espécie. Mas fiquei mais aliviada ao ver que você está retomando sua rotina e reconstruindo seu caminho, que está superando esse momento com toda a força e sabedoria. Mesmo atrasada, não poderia deixar de comentar aqui pra que você saiba o quanto é querida e te desejar força e felicidades mil nesse recomeço. Fique bem. Um beijo grande.

  15. Tá uma lindeza essa sua casa bagunçada. Querendo passar o fim de semana em Recife pode vir bagunçar aqui em casa. Tudo se acomodará, boa sorte pra vocês.
    À propósito, qual a origem desse relógo de parede?

    • @Ana,

      Oi Ana. Também me encantei!!
      Pesquisa Google= “adesivo cuco”
      Uma página interinha de sites vendendo. O site da
      “donacereja.com.br” um pouco mais barato.
      Bjkas cariocas 🙂

  16. Ana, desejo que vc seja feliz na casa (linda!) nova e que seus pioios sigam cheios de saúde!
    Vc é forte e é linda!
    Bjsss de uma amiga que te “conheceu” barriguda do Vini e que admira tudo o q vc faz!
    <3

  17. Ana, você é a emoção em pessoa. Tem uma alma iluminada e é um exemplo de que a vida é feita de momentos. Te acompanho faz tempo, mas ainda não havia te escrito. A casa é linda e parece ter tudo a ver contigo. O importante nessa vida é ter saúde e ser feliz, o resto a gente corre atrás. Beijo grande para você e para os meninos.

  18. Ana, eu sei o quanto deve ter sido difícil essa mudança pra você, principalmente internamente. Acompanho seu blog há anos, mas nunca comentei nadinha… mas quero te dizer que desejo que vc sempre tenha muita força e seja imensamente feliz onde quer que você more. Tudo de bom pra você!

    :*

  19. Ah, e vamos combinar q esta sim é uma casa com a cara do blog, deu gosto de ver o post, tem sua energia e identidade nela!

  20. Ana,

    Amei você de volta…. Todo dia eu venho aqui querendo saber as novidades.
    Bem vinda e que pedacinho do céu é esse?
    Lembrei da casa da minha avó….

  21. Ana, muito linda sua casinha! Bem sua cara…
    E que bom que vc está de volta!
    E a vida da gente é assim mesmo: reforma ali, reforma lá… e assim vai…
    A vida da gente é uma constante mudança. E acho que a não teria muita graça se não fosse assim…
    E vc é uma garota forte.. de garra!
    Então: BOM RECOMEÇO!
    Ah! E o mais legal de tudo que você escreveu: vcs continuam cuidando dos bebes, trabalhando juntos… Essa é muita parte muito boa: Respeito… Principalmente pelos filhos!
    Beijos linda! E está linda mesmo!!

  22. Olá, Ana. Passo por aqui diariamente, mas só me manifestei depois daquele post em que vc nos contou que algo não ia bem. Estou muito contente com a sua volta. Que casinha linda! Que xodó… Pirei no lustre colorido…kkk É da Tranqueira Chic? Amei. Mal posso esperar os outros posts.
    Tudo passa. Beijos, querida amiga virtual.

  23. Aii Ana estava com tanta saudade, venho aqui quase todos os dias e não ler os seus posts estava fazendo muita falta. Desejo de coração uma fase gostosa e leve, sinceramente achei essa casinha linda muito mais a cara de vocês, a outra casa era de fato linda também mas aquelas paredes de tijolos marrons não combinavam com o seu colorido, tanto que estavam lá a meses e ainda não tinha a personalidade de todos assim estampada já essa é outra coisa é linnnnnda. Beijos

  24. Ana, se a casinha nova já está linda no “antes”, imagina o “depois”. Desejo só coisas boas pra você! Um abraço bem apertado!

  25. Coisa mais linda essas portas e janelas azuis…
    Ana, que felicidade esteja onde você estiver!!
    Te acompanho de longe e torço muito por VC e sua família!!
    Bjus

  26. Aninha (olha a intimidade, hahaha)..<3
    Fico feliz em saber que estás conseguindo prosseguir, mesmo diante destas dificuldades. Sou leitora assídua do teu blog (TODOS os dias :D) , e compartilho, não só os mesmos ideais, mas também esta fase. Ou seja, entendo você bem direitinho.
    E gostaria de dizer que te desejo muita fé, pq sei que força e foco (objetivo), você já tem, é isso que tem me dado estímulo pra prosseguir, espero que também te ajude! Eu aprendi na vida real o que li certa vez: "é nas dificuldades que descobrimos nossa verdadeira força." Que você, minha querida, descubra sua força interior!! Deus deu à nós mulheres e mães, uma força capaz de superar qualquer desafio, então, vamos encarar apenas como "um teste", difícil e um pouco doloroso, mas um teste!

    Sua casinha é linda,eu amei!! Que ela lhe traga sempre à mente que é a oportunidade que a Vida lhe está dando de reescrever a história, de dar um up nesta fase, como você faz tão bem com a decoração, e que nunca deixe essa alegria faltar, tá bem?

    Nunca nos conhecemos pessoalmente,mas saiba que desejo um pouco mais do melhor que a vida possa lhe oferecer!
    Beijo 😉

  27. Ana, lembrei de um trecho muito bonito de um livro chamado Os da minha rua, do escritor Ondjaki. É um diálogo entre a avó e o neto, enquanto observam lesmas no jardim:

    “– Não sei onde é que as lesmas sempre vão, avó.
    – Vão para casa, filho.
    – Tantas vezes de um lado para o outro?
    – Uma casa está em muitos lugares – ela respirou devagar, me abraçou. – É uma coisa que se encontra.”

    Beijos

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here