Decoração para quarto infantil

Existem diversas fases da vida de uma criança que acabam marcando os pais, não é mesmo? A primeira fala, o momento dos primeiros passos e até mesmo o sorriso, cada uma dessas etapas está registrada na memória.

Com o passar dos anos, a criança começa a fazer parte do processo de escolha, optando pelos alimentos que deseja comer e até mesmo as roupas que quer usar. É nessa fase que os pequenos começam a buscar a identificação com um dos cômodos mais importantes da casa: o quarto.

Sabemos que muitas crianças acabam passando um longo período nesse local, então, nada melhor do que oferecer o ambiente ideal, concorda?

Está passando por esse momento e não sabe o que levar em consideração? Então aproveite para conferir o conteúdo completo e veja algumas dicas que podem fazer a diferença!

O seu filho precisa fazer parte desse processo

O primeiro ponto, e um dos mais importantes, é que a criança precisa fazer parte de todo o processo de decoração do espaço!

Muitos pais pensam que as escolhas devem ser feitas pelo casal, fator que pode causar um sério problema no futuro.

Sabemos que as crianças ainda não possuem ideia sobre o preço das coisas ou sobre o que pode ou não ser comprado. Porém, essa não pode ser uma desculpa para deixá-lo de lado.

Aproveite para ter uma conversa bem sincera. Explique o desejo de mudar a decoração do quarto e explique que todo o processo será feito com uma determinada quantia.

Ou seja, que todos os itens serão comprados com um valor definido e que as escolhas devem estar de acordo com essa quantia.

Além de deixar o pequeno feliz, por fazer parte de cada escolha, ainda será uma oportunidade para conversar sobre o dinheiro e a importância de saber escolher cada uma das compras, pensando sempre no que é possível ter.

Essa pode ser uma experiência muita válida, não é mesmo? Unindo brincadeira e conhecimento!

Pense em itens com a cor preferida da criança

Sabemos que essa é uma das primeiras coisas que os pequenos escolhem, não é mesmo?

Ter uma cor preferida é quase que a primeira escolha depois que eles começam a interagir com os colegas. É claro que essa opção pode ir mudando conforme os anos, mas algumas pessoas acabam seguindo a mesma opção por muitos anos.

Sendo assim, antes de resolver qual será a decoração do quarto, aproveite para perguntar qual é a cor preferida.

Leve a companhia até as lojas e pense em uma paleta de cores que possa ser utilizada junto com o tom escolhido.

Fique atento para que a decoração não fique muito forte ou focada em apenas uma cor! Por mais que seja a preferida, é importante que o espaço fique agradável, de uma forma que o pequeno possa se sentir bem.

Por isso, uma paleta de cores pode ser fundamental para fazer boas escolhas.

Já pensou em montar o quarto com produtos do personagem preferido?

Se a cor já está definida, é claro que o personagem preferido também está, concorda?

Seja por influência no convívio escolar ou pelos desenhos, é difícil achar uma criança que não tenha um personagem preferido.

É claro que essa escolha vai sendo modificada de acordo com os anos, mas muitos acabam passando um longo período com a mesma figura na cabeça.

Sendo assim, a dica aqui é investir em itens que são pensados de acordo com esse personagem, incluindo fronhas, lençóis ou itens de decoração.

Aproveite para ter a companhia do pequeno durante a escolha, avaliando o que ele gostaria de ter.

Essa é uma forma de fazer com que ele se sinta parte do local, como um mecanismo de pertencimento.

Tenha certeza de que com essas atitudes o pequeno vai adorar aproveitar as horas de brincadeira no próprio espaço.

É importante que ele se sinta bem no ambiente

É nessa fase da vida que aprendemos muitas coisas e desenvolvemos diversas habilidades.

O fato de desenvolver o conhecimento brincando faz com que as crianças tenham facilidade para memorizar determinadas experiências.

Uma delas, sem dúvidas, é o senso de pertencimento. Sabemos que essa inclusão pode fazer a diferença nas próximas fases da vida adulta e por isso é tão importante desenvolver essa habilidade desde cedo.

Quando um espaço tão importante como o quarto é pensando em conjunto, a criança passa a entender que faz parte de um processo, que tem a opção de escolha.

Isso pode ajudar no desenvolvimento pessoal, além de ser um mecanismo para compreender os gostos e o jeito do seu filho.

Acredite, ter a companhia dele em um processo como esse só traz benefícios! Aproveite esse tempo para se divertir com ele e entender um pouco mais dos gostos e do mundo que o pequeno está inserido! O importante é ele estar feliz.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carrinho de compras