Ausência justificada? Festoca do Vinícius – Parte 1

A vontade de fazer pelo menos um bolinho era certa! A gente nem levanta a possibilidade de passar em branco, principalmente quando eles ainda são criancinhas tão cutes.

Até a segunda semana de outubro, ainda estávamos decidindo se faríamos ou não uma festinha mais cheia de gueri-gueri pro Vinícius ou se rolaria só um bolinho em casa mesmo.

Depois nos convencemos que é o primeiro ano que estamos aqui e também a primeira oportunidade de reunir as pernambucada querida numa festinha em celebração ao meu príncipe, como não fazer algo né?

Na terceira semana de outubro, comecei a procurar locais e fornecedores aqui em Gravatá. Em casa não daria pra fazer, porque não tenho uma área externa muito grande. Visitei alguns locais mas era tudo muito casa de festa, e nem era de festa infantil, com parquinhos e tal, era de qualquer festa, tudo muito impessoal. Eu não gosto, vocês sabem.

Então a minha cunhada ofereceu a casa dela, espaçosa, com uma área própria para festas e cheia de amor e boa vontade. Após falar com algumas pessoas, encomendei os doces, bolos e salgados, e pesquisando pela internet e colocando a cuca pra funcionar, fui pensando na decoração recorde que eu tinha que fazer em duas semanas.

Estou louca pra mostrar os detalhes, mas não fiz nada surpreendente. Tudo foi pensando em torno do tema “Três porquinhos e o lobo mau” e eu queria ter tido tempo pra colocar todas as ideias em prática, pena que não deu. Estou esperando as fotos da fotógrafa, mas pedi algumas e ela gentilmente cedeu essas para o post, rs. Daqui a pouco tem mais! Foi tudo tão corrido no dia, que eu não tive tempo nem de postar no instagram.

Falando em tudo tão corrido, acho válido contar um pouco mais sobre essa minha experiência maluca. Marquei a festa para as 15h (louca do relógio), quem já viu isso? Acordei cedo mas tive que sair pra pegar os comes e bebes e finalizar outras coisas que ainda faltavam, tipo o cinto que eu queria usar com minha roupa (sim, louca, louca, louca). Cheguei no local pra decorar e arrumar tudo por volta do meio dia, a ainda bem que contei com a ajuda de alguns amigos, tio, pai, cunhado e irmã, ou estaria lá até agora, coitada. Enquanto isso, Leo estava pra lá e pra cá, levando as coisas pra gente e resolvendo o lance das bebidas, tivemos um contratempo com o freezer e vocês nem imaginam o resto…

Primeira lição: TUDO precisa estar organizado um dia antes, mas é TUDO mesmo, até o bolo já precisa estar em suas mãos na véspera. TUDO que faça parte da decoração, idem. Você precisa começar a deixar a festa pronta, no mínimo, umas 6h antes do horário da festa, no mínimo! Nada disso aconteceu no dia.

Pedi pra minha irmã trazer umas coisas de Recife, e ela só pode vir na quinta-feira, a festa foi no sábado. Outras coisas (Tubetes, latinhas, bisnagas e papeis crepom e seda, já que eu não achei aqui no fim do mundo o pacote fechado com as cores que eu queria – tonta) uma amiga trouxe do Rio, e chegou aqui em casa na sexta. Ou seja, muita coisa ficou pra ser resolvida nas vésperas da festoca, coisa de louco, não façam isso. Os “comes” pegamos no mesmo dia também, e como dito, peça o bolo e doces pelo menos um dia antes, agiliza muito, ainda mais que eles fazem também parte da decoração.

Só sei que terminei de organizar tudo no final da tarde, e a minha sorte foi que os convidados conscientes que são, começaram a chegar por volta das 17h mesmo. Corri para tomar um banho e me arrumar, nem lavei o cabelo, fui com as unhas de uma semana antes e descascando. Me maquiei com dignidade pra disfarçar a crise de choro que tive no banheiro, por causa de toda a correia, e sobretudo, porque comecei a pensar o quanto somos felizes depois que o nosso filho nasceu, o quanto ele nos proporciona uma vida mais bonita.

Ele aproveitou muito, ele sabia que era tudo pra ele, estava superfeliz e brincou o tempo todo, nem dormiu durante o dia e na hora do parabéns estava com um soninho sem fim, mas se animou com as palmas e correu pro brincar mais e mais com os amiguinhos e primos. No meio da festa, perguntei pra ele se estava feliz e ele respondeu simplesmente assim: “Estou, MAMÃE” (Tipo um adolescente de 16 anos revirando os olhos pra cima sabe?).

Missão cumprida!

COMPARTILHE
Ana Medeiros
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

41 Comentários

  1. Coisa linda! Poe os detalhes mesmo, Ana! Meu bebê tem 4 meses e eu já tô quase enlouquecida só de pensar que em breve eu estarei cuidando da primeira festinha dele tbm! Beijo e parabéns!

    • jeito carinhoso de chamar o lugar que moro Roberta, não de ofensas. Aliás, eu sempre digo que moro nesse fim de mundo mesmo e sempre falo super bem da cidade que amo demais!

  2. Também me emocionei, mas é isso mesmo, eu sempre fiz festinha da filha e das sobrinhas, mas já tinha feito muito dos vizinhos antes e a gente vai aprendendo, depois o que resta é muita história pra contar das vezes que demos mancada e das que deram na gente, eu sempre fiz de tudo, numa delas fiz os doces também, nunca mais faço isso. O que vale é que ele gostou e você deixou seu filho muito feliz.

  3. falar assim sobre os motivos da crise de choro que teve no banheiro me fez chorar aqui também… acho que a festa estava linda, principalmente pois foi tudinho feito com muito amor.
    Parabéns pra vcs!

  4. Adorei o bolo… amei!!!
    Já passei por isso, fiz a festa de 3 anos do meu filho em casa, no salão do prédio… foi corrido demais, acabei de decorar uns 30 minutos antes da festa começar, e desci para a festa com o cabelo molhado, ou seja… nem me arrumei direito. Mas na festinha de 4 anos fiz diferente, comecei a fazer tudo com antecedência e no dia da festa contratei pessoas pra decorar com bolas, e a mesa eu montei muito rápido, pois já tinha tudo pronto… Então aproveitei mais, e por consequência a festa ficou mais bonita… Bjs

  5. Ai que saudade do meu tempo de criança, com bolo e festa de aniversário. Minha última festa foi de 10 anos, hoje já tenho 25. Não sei pq (aham) chorei lendo o seu post. É muito amor.

  6. Que coisa mais linda, Ana!! Ressoa amor em cada detalhe desta festinha. Tão inspirador… Parabéns!! Deus continue a abençoar sua linda família!

  7. me emocionei!
    Mas o bom é que o resultado dá tão certo, que quando vemos, estamos tentando fazer outra festa,de novo! Com mais experiência, é claro, mas ainda assim, não podemos controlar tudo…
    Ficou linda de viver a festa do teu filhote! Parabéns!

  8. Passa rápido, né? Sabia que eu ainda lembro da primeira festinha que você fez pra ele, num parque? Achei linda, me inspira pra festinha do meu pequeno. Também queria fazer num lugar que não tenha cara de casa de festas infantis, mas aqui em Recife é difícil de achar.
    Parabéns! Bjo.

  9. Oi linda, que bom que deu tudo certo no final e ficou linda a festinha, mesmo vendo de forma mais ampla, pois sei que quando mostrar os detalhes iremos ver tamanha dedicação que você sempre tem em tudo que faz. Grande beijo.

  10. Anaaaaa,

    Só pelo que já deu pra ver, a festa ficou lindaaaa!!!
    Independente disso, o que importa é a alegria do filhote, né?
    Parabéns para ele e mais ainda parabéns pra você pela família que construiu.

    Beijinhos!!!

  11. Ana, festa boa é assim, mesmo, na correria. Relaxa que daqui a pouco você ri, da crise de choro do banheiro. O que interessa é a frase final: Missão cumprida!
    Parabéns pro Vini e pra você, que está mais LINDA, ainda depois da mudança.

  12. Ana, é a primeira vez que comento… Adoro o blog e sempre entro pra ver as novidades… A festa ficou lindíssima! E vc parece que está mais magra depois de tanta correria, está ótima!!! Parabéns!

  13. Que post lindo! Você é tão doce! Por essas fotos já deu pra ver que a festa foi linda! Vocês são uma família muito bela, viu? Parabéns pro Vinico e pra vc e husband tb!!! bjs

  14. Pensa numa pessoa louca pra ver TODAS as fotos??? Só por essas já deu pra perceber que foi tudo coberto de amor e amizade… Não tem preço essas coisas. E óh, relaxa que festa é sempre assim mesmo. Por mais q vc programe, sempre sai alguma coisa do controle: não se iluda! hahahah Os olhinhos desse moleque tão gosto. Já favoritei no reader pra “consultas festísticas futuras”: pura inspiração. Ah! E vc tava linda… Uma legítima gata garota da abertura do fantástico (lembra? heheh). Arrasou!

  15. Parabéns pelo blog, adoreeei!

    E pelo visto a festa foi linda mesmo, apesar dos contratempos no final da tudo certo, é ver a carinha desses pequenos felizes não tem preço… Fiz no feriado a festinha da minha filha tbm e nada mais compensador 😉

    Prazer em conhecer vcs!
    beijos

  16. Oi Ana, linda a festa! Também passei umas semanas corridas pra dar conta da festa do meu filhote que foi dia 17/11. Só uma dica, se você precisar de tubetes, latinhas, bisnagas e outras coisinhas que não encontramos em Gravatá nem Bezerros, tem uma loja em Caruaru que o preço é bem melhor que comprar pela internet, compensa mesmo, eu sempre compro lá e toda vez que vou tem novidades, eles renovam as mercadorias com frequência. Um abraço e parabéns pela criatividade, Beijos no Vinícius. Ah, ontem passei a tarde em Gravatá pesquisando móveis.

  17. Ana de Deus como ficou tudo lindo e como vc está linda nessa foto, por favor hein quando mudar o layout do blog trata de mudar essa foto aí que nem parece vc, sem brincadeira vc ficou parecendo modelo na festa do seu pequeno!!

  18. Parabéns, Ana! A grande alegria deve ser ver seu filhão feliz, mesmo. E pela foto que você colocou pareceu que a decoração estava linda! Ponto pra você 🙂
    Um beijo!

  19. Linda festa, me identifiquei muito com a correria dos preparativos. Eu tbém faço questão de cuidar de cada detalhe e fazer eu mesma a decoração e sempre passo por apuros.

    Mas menina, me conta ae dessa dieta que falaram que vc tá fazendo. Vc está linda !!!!

  20. Oi Ana, que festa legal! Há 8 anos passo por isso com meu filho, Vinícius também, e todo ano falo que vou fazer somente um bolinho mas não tem jeito, sempre sai algo mais e agora tenho a Alice com 1 ano e meio e vejo q estou indo na mesma linha. O importante mesmo é ver a carinha de felicidade né. Adorei seu blog e voltarei sempre.

  21. Ana, tudo muito lindo!!
    E esse tema, super criativo, amei…
    Parabéns pelo post e pelo lindo Vinícius!!
    E muitas felicidades sempre pra vocês!!!
    Bjs

  22. É como sempre digo Ana, ser feliz é muito simples. Uma festa linda, cheia de amor e rodeada de amigos e parentes e sem gastar uma fortuna. Parabéns mais uma vez.

  23. Amei o post!!! parabenssss!!! Foi corrido mas no final deu td certo, nao teve tempo de se arrumar mas vc tava linda!! to doida pra ver as fotos da festa!! mil parabenss

  24. Aiiiiiii meu Deus, essas fotos do niver de Vinicius só colocaram pilha em mim, agora vou passar o dia todinho olhando o blog pra ver outras fotos dos detalhes que com certeza estão d+. Sou muito sua fã.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here